Depois de um ano e meio de trabalho 100% remoto, os 210 colaboradores da Pipedrive em Portugal vão regressar ao escritório. Isto se assim o pretenderem, uma vez que o modelo híbrido escolhido pela tecnológica não assenta em qualquer obrigatoriedade de estar uns tantos dias em teletrabalho e outros tantos em trabalho presencial no escritório. 

 

Ainda este ano, a empresa pretende também chegar aos mil colaboradores a nível mundial e prepara-se para receber estagiários através de um novo programa prestes a inaugurar. Está também a recrutar novos colaboradores.